Aspectos Físicos

O rio São Francisco nasce na Serra da Canastra, no Chapadão do Zagaia, município de São Roque de Minas, no Estado de Minas Gerais. Dois pequenos olhos d'água brotam do chão, distanciados um do outro, não mais do que 15 metros, e se juntam formando, inicialmente, uma pequena poça com cerca de quatro metros de diâmetro, de onde saí um pequeno ribeirão. Corre no chapadão, que é muito plano, por uma extensão de 28 km, por dentro do capinzal do cerrado, juntando‑se a outros pequenos ribeirões chegando à borda da serra, já com cerca de quinze metros de largura.

Nesse ponto, a serra é abrupta, como uma parede, e cortada na vertical, e aí nosso São Francisco recém‑nascido, se atira em queda livre, formando uma linda cascata de 95 metros de altura, a Cachoeira de Casca D'Anta. Embaixo, é município de Vargem Bonita, e aí o São Francisco é aparado por uma pequena lagoa, com cerca de 15 metros de diâmetro, de onde sai ziguezagueando pelo cerrado afora. Tanto a sua nascente como a lagoa, estão dentro de uma área preservada e denominada Parque Nacional da Serra da Canastra, que é administrado pelo IBAMA ‑ Instituto Brasileiro do Meio Ambiente.

Daí segue no rumo norte, atravessando o Estado de Minas Gerais e ainda na Bahia, até que na altura da cidade de Remanso, no Lago de Sobradinho, sofre uma inflexão e toma o rumo leste, separando Pernambuco da Bahia e Sergipe de Alagoas, onde desemboca no oceano, nos municípios de Brejo Grande, em Sergipe, e Piassabuçu, em Alagoas.

O São Francisco recolhe as águas de uma área de 640.000 km2, formando uma das mais importantes Bacias Hidrográficas do Brasil, onde habitam 13 milhões de pessoas, distribuídas em 464 municípios, sendo:

EstadoMunicípiosHabitantes
Distrito Federal11.598.415
Goiás394.245
Minas Gerais2066.856.021
Bahia1142.489.944
Pernambuco651.564.239
Sergipe26254.450
Alagoas49966.671

A população do Vale do São Francisco cresce graças à presença de cidades como: Belo Horizonte, Montes Claros, Contagem, Sete Lagoas Conselheiro Lafaiete e Divinópolis, em Minas Gerais; Juazeiro, na Bahia; Petrolina, em Pernambuco; Propriá, em Sergipe e Penedo, em Alagoas.

Para melhor estudá‑lo, vamos tomar a Bacia por sua tradicional divisão pelos desníveis da calha Principal: desde a nascente até a Cachoeira de Pirapora, é chamado de Alto São Francisco; da Cachoeira de Pirapora até a barragem de Sobradinho, Médio São Francisco; da barragem de Sobradinho até a barragem de Xingó, Sub‑Médio São Francisco e, de Xingó ao Atlântico, Baixo São Francisco.

Veja Também: